Todo meio é ambiente?

Prezado doutor Aldo Bizzocchi, bom dia!
Afinal, meio ambiente é um pleonasmo? A meu ver, as duas palavras são análogas, visto que um livro jamais poderia ser titulado Direito do meio. Os leitores se perguntariam meio do quê? Numa passagem do livro do eminente Evanildo Bechara diz que os pleonasmos (aceitáveis) são para fins de clareza, reforço ou ênfase. Seria este o caso supracitado? O meio ambiente em vez dum pleonasmo seria um sintagma ou locução substantiva?
Grande abraço,
Edilson Zafira de Sousa
São Paulo – SP

Caro Edilson, nestes tempos em que o meio ambiente tem sofrido como nunca por ação de fazendeiros e garimpeiros inescrupulosos e por inação de um governo conivente com os crimes ambientais, sua pergunta é muito oportuna.

Vamos à resposta: “meio ambiente” é de fato uma locução substantiva e, portanto, um sintagma nominal. Para quem não se lembra, sintagma é uma sequência de palavras das quais uma é a base ou núcleo e as demais são seus adjuntos. Sintagma nominal é aquele que tem um substantivo como base. No exemplo em questão, “meio” é o substantivo-núcleo e “ambiente”, o adjetivo adjunto (nominal, no caso, já que se liga a um substantivo, ou nome).

Mas será que “meio ambiente” é um pleonasmo, mesmo que enfático e, portanto, perdoável? Em primeiro lugar, você tem razão ao dizer que a palavra “meio”, sozinha, é muito vaga; afinal, além de ambiente, “meio” também significa “metade” e “recurso, instrumento” (por exemplo, “ele partiu o galho ao meio usando um machado como meio”).

Em segundo lugar, nem todo contexto em que se emprega “meio” admite “ambiente” como sinônimo (por exemplo, meio sólido, meio líquido, meio alcalino, etc.). Nesse sentido, “ambiente” é um adjetivo que especifica o tipo de meio a que nos referimos, assim como “sólido”, “líquido” e “alcalino”.

O que ocorre é que “ambiente”, outrora apenas adjetivo, oriundo do latim ambiens, particípio presente do verbo ambire, “andar em volta, rodear”, passou a ser usado como substantivo; daí falarmos no ambiente da festa, na decoração de ambientes, e assim por diante. Se pensarmos em ambiente como substantivo com esse significado, então “meio ambiente” seria efetivamente um pleonasmo. Mas a expressão “meio ambiente”, por sinal um termo técnico do jargão da biologia e da ecologia, tem um sentido específico, diferente de “meio” simplesmente, que também é termo técnico nessas áreas (e em outras, como em sociologia: “as más influências do meio”).

Quanto a ambiente, é até possível empregar essa palavra em seu sentido ecológico, como uma redução de “meio ambiente”, o que, de modo algum, invalida a forma extensa da locução.

Em resumo, trata-se de uma construção legítima, e a ideia de que seria redundante não procede.

2 comentários sobre “Todo meio é ambiente?

  1. Muito bem explicado e preciso, prof. Aldo. Penso que poucos no Brasil conseguiriam dar uma resposta tão boa. Como o particípio presente deu origem a substantivos e adjetivos no nosso idioma, se me tivessem feito esta pergunta, teria respondido que “meio ambiente” se trata de locução substantiva formada por dois substantivos. Não sabia que “ambiente” originariamente era apenas um adjetivo e depois é que passou a ser usado também como substantivo. Essa é a vantagem de quem aprendeu latim de verdade. Todos os professores de Português deveriam obrigatoriamente saber latim. Saudades do meu querido professor Mário Roberto L. Zágari, linguista como o senhor mas também filólogo, que defendia incessantemente o ensino de latim, inclusive nas escolas de ensino básico do país. Infelizmente já faleceu. Andei pesquisando e gostaria que o senhor confirmasse, por gentileza: o adj. é de 1619 e o substantivo é de 1783?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Patrick, as datas que você menciona são as que constam nos atuais dicionários e que, até segundo aviso, estão corretas. Digo “até segundo aviso” porque, no Projeto DELPo, que empreendemos na USP, uma das etapas da pesquisa etimológica é a retrodatação, ou seja, a busca de datas de primeira ocorrência da palavra mais precisas e eventualmente anteriores às que são atualmente consideradas. Até o momento, não houve retrodatação de “ambiente”, mas a qualquer momento pode haver.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s